Curiosidades e peculiaridades sobre o Oscar 2021

O Oscar mais estranho da história está no ar! Com a divulgação dos indicados ontem (confira a lista completa AQUI) e nenhuma surpresa, algumas peculiaridades tomaram conta da premiação deste ano, afetada diretamente pelo coronavírus.

Por isso, resolvi listar aqui algumas das curiosidades que farão da cerimônia do dia 25 de abril única.

Mudança nas regras

Já no ano passado a Academia divulgou as novas regras para a premiação deste ano, por conta do fechamento dos cinemas: filmes exibidos entre 1 de janeiro de 2020 e 28 de fevereiro de 2021 foram qualificados. Produções que estavam planejadas para cinemas mas acabaram indo para as telinhas dos streamings também estão automaticamente qualificados.

A cerimônia

Junto com a divulgação dos indicados, foi informado que a cerimônia seguirá o molde do Globo de Ouro, e acontecerá em dois locais diferentes: o tradicional Dolby Theatre e a Union Station. Também já se sabe que somente os indicados, seus convidados e os apresentadores comparecerão à cerimônia.

A Academia também cancelou os tradicionais almoço anterior dos indicados e a festa posterior à premiação, bem como todos os eventos presenciais que envolvam o Oscar.

A bilheteria dos filmes

Em um ano de cinemas fechados, claro que a bilheteria também seria afetada. Mas não somente isso, temos provavelmente a leva de filmes mais deprimentes dos últimos anos. Não há um único filme feliz entre os indicados.

A categoria de melhor filme tem a penas um filme de um grande estúdio (Judas e o Messias Negro da Warner), e a soma das bilheterias de todos os 8 indicados a melhor filme é de $14 milhões de dólares na América do Norte com menos de U$5 milhões extras do resto do mundo. Pra se ter uma ideia de comparação, em 2019 o primeiro lugar na bilheteria americana (Vingadores: Ultimato) fez quase U$900 milhões de bilheteria só nos Estados Unidos.

A falta de um filme de grande bilheteria com certeza também irá afastar o público que assiste a transmissão da festa, já que os longas indicados despertam pouco interesse. Faz quase 20 anos que um filme de grande bilheteria venceu o Oscar de melhor filme (O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei, em 2004, que fez mais de $350 milhões de dólares). Desde 2014 que o vencedor d categoria de melhor filme não ultrapassa os U$70 milhões, com a única exceção de Green Book, em 2019, que fez U$85 milhões nos EUA.

Números e indicados

É a primeira vez na história que dois atores de origem asiática são indicados a melhor ator: Riz Ahmed, por O Som do SilêncioSteven Yeun por Minari. Ahmed é também o primeiro ator muçulmano a ser indicado na categoria e Yeun o primeiro asiático.

Riz Ahmed, por O Som do SilêncioSteven Yeun por Minari

É também a primeira vez que duas mulheres são indicadas na categoria de direção: Chloé Zhao por Nomadland e Emerald Fennell por Bela Vingança. Zhao é também a primeira mulher asiática a concorrer na categoria.

Viola Davis se tornou a mulher negra com maior número de indicações na categoria de atuação e pode se tornar a única a vencer duas vezes.

Andra Day, que concorre por sua atuação em Os Estados Unidos Contra Billie Holliday faz sua estreia no cinema. Ela já venceu o Globo de Ouro pelo papel.

Viola Davis em A Voz Suprema do Blues e Andra Day em Os Estados Unidos Contra Billie Holliday

Caso Viola Davis ou Andra Day vençam, será a primeira vez que uma mulher negra vai ganhar na categoria de melhor atriz em quase 20 anos e a segunda na história. A última foi em 2002 quando Halle Berry venceu por A Última Ceia

É a segunda vez na história que um ator concorre ao Oscar e ao Framboesa de Ouro pelo mesmo trabalho. Glenn Close conseguiu o feito por sua atuação em Era Uma Vez um Sonho: ela concorre a melhor atriz coadjuvante no Oscar e a pior no Framboesa. A primeira vez foi em 1984 quando Amy Irving também foi indicada aos dois prêmios por sua atuação em Yentl. Em 2010 Sandra Bullock levou o Oscar e o Framboesa no mesmo ano, mas por filmes diferentes (Um Sonho Possível e Maluca Paixão, respectivamente).

Glenn Close em Era Uma Vez um Sonho

Pela primeira vez um longa produzido praticamente só por artistas negros concorre a melhor filme Judas e o Messias Negro.

A Netflix possui 35 indicações em 16 filmes. A última vez que algo semelhante aconteceu foi em 2003 quando a Miramax conseguiu 40 indicações. O recorde é da United Artists que, em 1940, teve 45.

Chadwick Boseman provavelmente repetirá o feito de Heath Ledger e se tornará o terceiro ator a ganhar o Oscar postumamente. O primeiro foi Peter Finch, em 1977, pelo filme Network.

Frances McDorman é a primeira mulher a ser indicada por atuar e produzir o mesmo filme (Nomadland).

Leslie Odom Jr. está indicado por atuação e também pela música tema de Uma Noite em Miami. Ele é o quarto ator a conseguir tal feito: Mary J. Blige por MudboundLady Gaga por Nasce Uma Estrela e Cynthia Erivo por Harriet.

Leslie Odom Jr. em Uma Noite em Miami…

Diane Warren concorre pela 12ª vez na categoria de melhor canção. A cantora e compositora nunca venceu e este ano tem boas chances, já que a música Io Sì (Seen), em parceria com Laura Pausini, venceu o Globo de Ouro. A canção é tema do filme Rosa e Momo, da Netflix. Warren é a compositora de hits que concorreram ao Oscar como I Don’t Want to Miss a Thing (Armageddon), Because You Loved Me (Íntimo e Pessoal), How do I Live? (Con Air) e Music of My Heart (Música do Coração).

Anthony Hopkins se tornou o ator mais velho a ser indicado na categoria principal de atuação, aos 83 anos. Ele recebeu sua sexta indicação quase 30 anos depois de vencer por O Silêncio dos Inocentes, em 1992. Este ano, Hopkins concorre por Meu Pai. Ele, no entanto, não quebrou o recorde de Christopher Plummer, o ator mais velho a ser indicado e a vencer o Oscar, na categoria de melhor ator coadjuvante por Toda Forma de Amor, em 2011 aos 82 anos e concorreu em 2018 por Todo o Dinheiro do Mundo, aos 88.

Olivia Colman e Anthony Hopkins em Meu Pai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: