Hey Jude completa 50 anos de lançamento

Em um dia como este, um dos clássicos dos Beatles, “Hey Jude”, era lançado no Reino Unido, no ano de 1968. A canção havia sido lançada pouco tempo antes nos Estados Unidos, no dia 26.

Hey Jude” foi composta por Paul McCartney, mas creditada à dupla Lennon-McCartney, e lançada no Lado A do single Hey Jude/Revolution de 1968. Apesar da longa duração da canção, foi o single mais vendido dos Beatles.

A história da música

A entrada de Yoko Ono transformou a vida de John Lennon e provavelmente encurtou o futuro dos Beatles como banda. E ela acabou sendo o estopim criativo para a composição de “Hey Jude”, celebrizada como uma das maiores canções do grupo e a mais marcante interpretação de Paul McCartney.

Apesar das músicas marcarem sempre “Lennon-McCartney” como compositores, algumas músicas e/ou letras eram feitas quase que exclusivamente por um ou outro. Assim como “Help” e “Come Together” são “100% John”, outras — além de “Hey Jude”, poderíamos citar “Michelle” e “Let It Be” — são “Paul puro”.

“Hey Jude” foi composta logo que John se divorciou de sua primeira mulher, Cynthia. Paul McCartney escreve a letra pensando no filho do casal, Julian Lennon, e remete a canção a todos os filhos de pais separados. Em vez de “Jule”, porém, escreve “Jude”. John viria a interpretar como um recado também para si, como se Paul estivesse falando para John (Jude) não ter medo de ser feliz com o novo amor, Yoko, que entrava em sua vida — daí o trecho “Hey Jude, don’t be afraid/ You were made to go out and get her” (“Ei, Jude, não tenha medo/ Você nasceu para sair e tomá-la para você”).

“Hey Jude”, assim como “Let It Be”, são hinos dos Beatles.

Curiosidades

  • Como a canção era muito extensa, eles também produziram uma versão mais curta para as rádios americanas, porque algumas das estações se recusavam a tocar uma música tão longa.
  • Em 2005, “Hey Jude” foi executada por Paul McCartney e amigos, entre eles Ozzy Osbourne, Tony Iommi, George Michael, The Killers, Elton John, Bono, Brian May, David Gilmour entre muitos outros, para finalizar o principal show do evento Live 8, na cidade de Londres.
  • “Hey Jude” foi o primeiro single a ser lançado com o selo da Apple Records e foi o primeiro dos Beatles a ser incluso uma capa de papel ao invés de uma capa com foto.
  • “Hey Jude” foi número 1 na Billboard Hot 100 de 1968, e foi disco de ouro antes mesmo de entrar nas paradas do EUA mas demorou quase 30 anos para se tornar disco de platina em 17 de fevereiro de 1999.
  • “Hey Jude” foi nomeado ao Grammy de 1969 nas categorias: Disco do Ano, Música do Ano, e Melhor Canção Popular, porém não ganhou nenhuma. Em 2001 entrou para o Hall da Fama do Grammy.
  • Em 2004, “Hey Jude” ficou em 8° no ranking das 500 melhores músicas de todos os tempos da revista Rolling Stone. Ficou em 3° na lista das 100 melhores do Channel 4.
  • Na série de vídeos “Antologia”, durante a exibição do clipe de “Hey Jude”, George Harrison declarou: “Foi uma época em que tudo ia bem, e subindo, e subindo, até começar a cair. Tudo tem seu ciclo e, todo mundo sabe, quando começa a decadência, basta cair pra começar a ser chutado”.
  • Aos 2 minutos e 58 segundos da canção, pode-se ouvir Lennon dizer: “fucking hell!”. De acordo com os engenheiros de som Ken Scott e Geoff Emerick, foi ideia de John Lennon deixar o erro na versão final.
  • Aos 5 minutos e 35 da canção, podemos ouvir uma voz que parece dizer: “Pega o cavaquinho”. Na verdade é a voz do próprio Paul McCartney, que na verdade diz, bem rápido, “The pain won’t come back, Jude”.
  • Em 1989, Kiko Zambianchi lançou uma versão brasileira da canção, imortalizada como parte da trilha sonora da novela Top Model.

VIA e VIA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s