#listadefilmes – 25 biografias do cinema

coco-antes-de-channel-01

Coco Antes de Chanel

Gabrielle Chanel foi deixada pelo pai num orfanato, quando a mãe morreu. Começou a trabalhar numa alfaiataria de dia, e cantar num cabaré à noite. Acabou por fazer as roupas para o amante – roupas que passou também ela a usar, até criar o império de moda que a marca Chanel representa. Esta é a linha mestra do filme, que retrata a luta da estilista para se afirmar num mundo demasiado conservador. Audrey Tatou foi a atriz que a interpretou em 2009, sob a direção de Anne Fontaine. O apelido “Coco” surgiu precisamente no cabaré e, ao invés de a rejeitar, decidiu torná-la a sua marca.

piaf

Piaf

A vida de Edith Piaf foi sempre uma batalha. Abandonada pela mãe, ela foi criada pela avó, dona de um bordel na Normandia. Dos 3 aos 7 anos de idade fica cega, recuperando-se milagrosamente. Mais tarde vive com o pai alcoólatra, a quem abandona aos 15 anos para cantar nas ruas de Paris. Em 1935 é descoberta por um dono de boate e neste mesmo ano grava seu primeiro disco. A vida sofrida é coroada com o sucesso internacional. Fama, dinheiro, amizades, mas também a constante vigilância da opinião pública. Indicado a três Oscars venceu os prêmios de maquiagem e de melhor atriz, com a sensacional e devastadora interpretação de Marion Cotillard.

helen-mirren-queen-elizabethA Rainha

Quando a notícia da morte de Diana, Princesa de Gales, se espalha pelo mundo, a Rainha Elizabeth II não consegue entender a reação emocional do povo e permanece isolada com a família real no Castelo de Balmoral, na Escócia. Tony Blair, o então primeiro-ministro recém empossado, percebe que precisa tomar medidas que reaproximem a família real da população e, para alcançar isso, procura a rainha. Indicado a 6 Oscars, incluindo melhor filme, venceu o prêmio de melhor atriz para Helen Mirren, numa interpretação que a própria rainha afirmou ser “melhor que ela mesma”.

dairy-speechMilk

Milk, um cara carismático e bem-humorado, muda-se de Nova Iorque para São Francisco em 1972, onde planejava com o namorado abrir uma loja de fotografia na rua Castro, onde à época os gays não eram bem recebidos. Milk resiste e em pouco tempo todo o bairro Castro torna-se referência na luta pelos direitos dos homossexuais.

A luta de Milk o transformou em um líder político, comandando campanhas nacionais pelos direitos dos gays, recebendo inclusive apoios conservadores, como do então aspirante à presidência Ronald Reagan. Indicado a 8 Oscars (incluindo melhor filme), venceu dois: melhor ator (Sean Penn) e melhor roteiro adaptado.

chaplin-movie-imageChaplin

O filme relata a vida de Charles Chaplin, um dos maiores gênios do cinema, desde a infância até o recebimento de um Oscar Especial, e das inúmeras ligações amorosas aos problemas de ordem política, que o levaram a ser expulso dos Estados Unidos.

O filme é estruturado em torno de longos flashbacks como o idoso Charlie Chaplin (Robert Downey Jr.) relembrando momentos de sua vida durante uma conversa com o personagem fictício George Hayden (Anthony Hopkins), o editor de sua autobiografia. Lembranças de Chaplin começam com sua infância de pobreza extrema, da qual ele foge, mergulhando no mundo das salas de música de Londres, depois se mudando para os Estados Unidos. Teve 3 indicações ao Oscar.

imagesUma Mente Brilhante

John Nash (Russell Crowe) é um gênio da matemática que, aos 21 anos, formulou um teorema que provou sua genialidade e o tornou aclamado no meio onde atuava. Mas aos poucos o belo e arrogante John Nash se transforma em um sofrido e atormentado homem, que chega até mesmo a ser diagnosticado como esquizofrênico pelos médicos que o tratam. Porém, após anos de luta para se recuperar, ele consegue retornar à sociedade e acaba sendo premiado com o Nobel. Indicado a oito Oscars, venceu quatro, incluindo melhor filme.

filme_fridaFrida

Protagonizado por Salma Hayek, “Frida” (2002) conta a história da pintora mexicana e mulher à frente de seu tempo, Frida Kahlo. Citada no presente por se manter viva em suas obras, livre, intensa, sua alma transbordava e dela saiam cores, com as quais pintava os seus quadros. Mostrava a mesma intensidade nas suas frustrações e sofrimentos. Assim, sua alma sangrava e ela pintava a própria dor. Indicado a seis Oscars, venceu dois: maquiagem e trilha sonora.

johnny-e-juneJohnny e June

A história do cantor Johnny Cash (Joaquin Phoenix), desde sua juventude em uma fazenda de algodão até o início do sucesso em Memphis, onde gravou com Elvis Presley, Johnny Lee Lewis e Carl Perkins. Sua personalidade marginal e a infância tumultuada fazem com que Johnny entre em um caminho de auto-destruição, do qual apenas June Carter (Reese Whiterspoon), o grande amor de sua vida, pode salvar. Com cinco indicações ao Oscar, venceu apenas uma: melhor atriz para Reese Whiterspoon.

602x0_519ee5f06e208Prenda-me Se For Capaz

Frank Abagnale Jr. (Leonardo DiCaprio) já foi médico, advogado e co-piloto, tudo isso com apenas 18 anos. Mestre na arte do disfarce, ele aproveita suas habilidades para viver a vida como quer e praticar golpes milionários, que fazem com que se torne o ladrão de banco mais bem-sucedido da história dos Estados Unidos com apenas 17 anos. Mas em seu encalço está o agente do FBI Carl Hanratty (Tom Hanks), que usa todos os meios que tem ao seu dispor para encontrá-lo e capturá-lo.

hitchcockHitchcock

Baseado no livro “Alfred Hitchcock And The Making Of Psycho”, este filme revela os bastidores do clássico Psicose (1960). Na época, mesmo estando no auge de sua carreira, Hitchcock não conseguiu apoio para realizar a obra, porque os estúdios não queriam investir em um pequeno filme de terror. O resultado foi uma produção independente, de baixo orçamento, que encontrou grandes dificuldades para driblar a censura e para ser distribuída nos Estados Unidos, em função das cenas de violência e nudez. Além disso, diversos obstáculos surgiram durante as filmagens, como as brigas constantes entre Hitchcock e sua esposa, Alma (Helen Mirren), os problemas de saúde do diretor e seus desentendimentos com o elenco. Contrariando todas as expectativas, “Psicose” se tornou uma referência no cinema mundial, e um dos maiores sucessos na carreira do cineasta.

Aviator-TheKEY-FILMDi-CaprioO Aviador

Howard Hughes foi aviador, engenheiro aeronáutico, cineasta e uma das mais excêntricas figuras de que se tem notícia. Teve sua vida retratada em um filme para a TV – “O Incrível Howard Hughes” (1977) – no qual foi interpretado por Tommy Lee Jones, mas sua melhor retratação ocorreu em 2004, quando Martin Scorsesecontou a vida do magnata em “O Aviador”, com Leonardo DiCaprio no papel principal.

A produção do filme é impecável: direção de arte, figurino e a fotografia de Robert Richardson são alguns dos trunfos do filme, além da ótima trilha de Howard Shore. Em uma grande produção como essa não poderia faltar um elenco de peso, contando com nomes como Cate Blanchett – que ganhou seu primeiro Oscar ao interpretar a lendária Katherine Hepburn em uma atuação memorável –, Alec Baldwin, John C. Reilly e Kate Backinsale.

Selena-img1Selena

Selena Quintanilla é uma jovem de origem hispânica que se tornou a mais popular cantora latina de todos os tempos, pouco após completar 20 anos. Ela consegue atingir o topo das paradas musicais americanas, ganhando dois discos de ouro e um de platina, mas tem sua carreira interrompida de forma trágica.

alexandreAlexandre

Alexandre é um homem com grandes ideais, e em sua mente, surge a ideia de que o mundo poderia ser governado por um só rei. Antes de sua morte, ele conquistou 90% do mundo conhecido.

A história é contada por Ptolomeu ao seu escriba Cadmo. O filme retrata as grandes vitórias dos exércitos de Alexandre, e como elas foram aos poucos sendo esquecidas.

Ptolomeu frisa a ideia de que na sua concepção, Alexandre era de fato um deus, muito embora sua mãe, a rainha Olímpia, aclamada por alguns como sendo feiticeira, já dizia que Alexandre era o filho de Zeus, porém, poucos acreditavam nela, vista a tamanha compatibilidade e semelhanças entre ele e seu suposto pai, o Rei Filipe II, embora, para ele, Alexandre era como a mãe em espírito, e tinha muito mais semelhanças com ela do que com ele quanto ao modo de ser e agir.

205-2 Filhos de Francisco2 Filhos de Francisco

Francisco Camargo (Ângelo Antônio) é um lavrador do interior de Goiás que tem um sonho aparentemente impossível: transformar dois de seus nove filhos em uma dupla sertaneja. Ele inicialmente deposita sua esperança no mais velho, Mirosmar (Dablio Moreira), e resolve lhe dar um acordeão quando completa 11 anos. Mirosmar e seu irmão Emival (Marco Henrique), que toca violão, se apresentam com sucesso nas festas da vila onde moram, mas devido a perda da propriedade onde moravam nos anos 70 toda a família é obrigada a se mudar para Goiânia. Mirosmar e Emival começam então a tocar na rodoviária local, na intenção de conseguir algum dinheiro para ajudar em casa. Lá eles conhecem Miranda (José Dumont), empresário de duplas caipiras, que viaja com eles por mais de 4 meses. Os irmãos novamente fazem sucesso e chegam até mesmo a cantar para 6 mil pessoas em um show no interior do país, mas um acidente encerra prematuramente a carreira da dupla. Após quase desistir da carreira artística Mirosmar decide voltar a cantar, agora usando o nome artístico de Zezé di Camargo (Márcio Kieling). Ele grava um disco solo, mas não obtém sucesso. Já casado e com duas filhas pequenas, Zezé tem dificuldades em sustentar a família e o máximo que consegue é que outras duplas cantem composições suas. É quando ele encontra em seu irmão Welson (Thiago Mendonça), que passa a usar o nome artístico de Luciano, o parceiro ideal para levar adiante sua carreira musical.

Ed Wood 2Ed Wood

“Pior cineasta de todos os tempos”. Este foi o título atribuído a Edward D. Wood Jr. pelo seu conjunto de obras. O, digamos, estilo único do cineasta, nada ortodoxo – acentuado pelos efeitos especiais baratos e mal feitos e as sequências desconexas, com gravações não aproveitadas de outros filmes -, conquistou alguns fãs, sendo um deles nada mais e nada menos do que Tim Burton.

Por esta razão, não é surpresa alguma ele ter sido uma de suas influências e, em 1994, ter realizado “Ed Wood”, a cinebiografia que mostra, segundo as palavras do apresentador no prólogo, “os fatos chocantes da verdadeira história de Edward D. Wood Jr.”.

cazuzaCazuza – O Tempo Não Para

O desafio foi grande: contar a trajetória de Cazuza, um dos grandes nomes do rock nacional da década de 1980 – até hoje considerado “o poeta de uma geração” – desde o surgimento do Barão Vermelho, passando pelas motivações que o levaram a seguir carreira solo, a descoberta do vírus HIV, e, especialmente, a luta do cantor contra a doença. Tudo isso, compactado em menos de 2hs de filme. Mostrar o possível que fosse de sua personalidade exagerada, da maneira intensa de viver a vida, da paixão e do talento de compor canções que ficaram para sempre no imaginário de gerações foi outra dificuldade. Mas o filme dá conta.

maria-antonietaMaria Antonieta

A vida extravagante da rainha Maria Antonieta inspirou Sofia Coppola a escrever e dirigir esta biografia de 2006. Com apenas 14 anos de idade, a futura rainha é “enviada” pela mãe (a imperatriz austríaca Maria Théràse) a França com o propósito de se casar com o primo Luís XVI, acabando assim com a rivalidade entre os dois países. Kirsten Dunst encarna a malograda Rainha, que acaba decapitada durante a Revolução Francesa. Os cenários de sonho e o fabuloso vestuário dos personagens valeram a Marie Antoinette o Oscar de melhor figurino.

dd_evitaEvita

A história de Eva Perón (Evita, interpretada pela pop star Madonna), uma das mais populares primeiras-damas da América Latina de todos os tempos, e idolatrada na Argentina, é narrada em flashback. Começa mostrando a filha bastarda de um agricultor de um pequeno povoado, barrada no funeral do próprio pai, e que acaba por tornar-se a primeira-dama do seu país.

capoteCapote

Em 1959, quando uma família é morta à queima-roupa numa fazenda no Kansas (Estados Unidos), o jornalista e escritor Truman Capote decide escrever um livro sobre o acontecimento, A sangue frio. O filme de 2005, dirigido por Bennett Miller, retrata os anos de convívio entre Capote e os assassinos. Este drama, protagonizado por Phillip Seymour Hoffman, expõe ao público a figura e personalidade singulares de Capote: demasiado honesto e directo entre conhecidos, mas omitindo aos prisioneiros quem realmente é e os detalhes do próprio livro. A sua excelente interpretação valeu a Capote – entre as várias nomeações, o Óscar e o BAFTA para melhor ator.

aredesocialA Rede Social

Em uma noite de outono em 2003, Mark Zuckerberg (Jesse Eisenberg), analista de sistemas graduado em Harvard, se senta em seu computador e começa a trabalhar em uma nova ideia. Apenas seis anos e 500 milhões de amigos mais tarde, Zuckerberg se torna o mais jovem bilionário da história com o sucesso da rede social Facebook. O sucesso, no entanto, o leva a complicações em sua vida social e profissional.

erin-brockovichErin Brockovich

Filme de 2000 dirigido por Steven Soderbergh e escrito por Susannah Grant. O filme é uma dramatização da história real de Erin Brockovich, interpretada por Julia Roberts, que lutou contra a empresa de energia Pacific Gas and Electric Company (PG&E). Foi um enorme sucesso de bilheteria, e a opinião dos críticos foram altamente positiva.

Roberts ganhou o Oscar, Globo de Ouro, Screen Actors Guild e ao BAFTA de Melhor Atriz. O filme em si também foi indicado para Melhor Filme e Melhor Diretor para Steven Soderbergh no Oscar 2001. Logo no início do filme a verdadeira Erin Brockovich tem uma aparição como uma garçonete chamada Julia.

amadeus-movieAmadeus

A história foca em Salieri (Abraham), músico contemporâneo de Mozart (Tom Hulce) que, ao mesmo tempo em que admira e inveja o talento do compositor, o despreza por seu comportamento grosseiro. Salieri se pergunta por que Deus deu tamanho talento a alguém tão vulgar, enquanto ele, esforçado e devoto, está tão aquém de tal genialidade. A inveja torna Salieri um rival, disposto a usar sua influência na corte de Viena para sabotar Mozart.

filmes_2089_Jobs_21Jobs

De hippie sem foco nos estudos a líder de uma das maiores empresas de tecnologia do mundo. Este é Steve Jobs (Ashton Kutcher), um sujeito de personalidade forte e dedicado, que não se incomoda de passar por cima dos outros para atingir suas metas, o que faz com que tenha dificuldades em manter relações amorosas e de amizade.

american-splendorAnti-Herói Americano

O balconista de hospital Harvey Pekar (Paul Giamatti) deixa cair no chão alguns arquivos de óbito e encontra a ficha de um homem que trabalhou a vida inteira como balconista em Cleveland ­ um emprego burocrático, exatamente como o dele. Esse episódio, combinado com o fato de ter visto o seu amigo Robert Crumb (James Urbaniak) se tornar uma pequena celebridade em São Francisco como cartunista, o inspiram a criar a sua própria revista em quadrinhos, chamada American Splendor.

inimigos-publicosInimigos Públicos

Nos anos 30, o FBI corre atrás de três famosos mafiosos (John Dillinger, Baby Face Nelson e Pretty Boy Floyd), durante a era da Depressão, quando uma onda de crimes assolou os Estados Unidos. Foi a partir daí que o FBI tornou-se a primeira agência federal de polícia do país, controlado por J. Edgar Hoover.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: