Mais de vinte anos depois Luan e Vanessa falam do sucesso de ‘Quatro Semanas de Amor’ e a vida nos EUA

Foi um sonho de verão… numa praia…” Já faz quase 25 anos, mas não tem como esquecer. Quatro Semanas de Amor se tornou um clássico de uma geração. Todo mundo que nasceu nos anos 80 se lembra de ter dançado ou da música ter embalado paixonites adolescentes.

Em 1990, a música interpretada por Luan e Vanessa, versão da americana Sealed With a Kiss alcançou o topo das paradas e, consequentemente lançou o casal ao estrelato. Cantando juntos, os dois acabaram virando um casal de verdade e hoje são casados. Hoje, moram nos Estados Unidos com os dois filhos pequenos: Gabriel de 9 anos e Clara de 4 e são casados há 11.

luan-e-vanessa

Vanessa, que como a gente bem lembra, começou a carreira ao lado de Juninho Bill, Luciano e Patrícia (Marx) no Trem da Alegria, conheceu Luan quando ele foi convidado para montar a dupla com ela, projeto para Vanessa pós-Trem. De lá pra cá são mais de 20 anos de história juntos.

disco-vinil-trem-da-alegria-infantil
Juninho Bill, Vanessa, Luciano e Patrícia Marx na capa do primeiro LP do Trem da Alegria em 1987

Leia abaixo a entrevista que o portal Terra fez com os dois sobre a rotina de hoje, com uma produtora de música católica nos EUA:

Terra – Vocês se conheciam antes de formarem a dupla Luan e Vanessa?
Luan –
Não. Nos conhecemos em 89 para formar a dupla, projeto que a gravadora BMG tinha para Vanessa assim que saísse do Trem. Me chamaram para um teste e acabei sendo escolhido. Acho que não imaginavam que a relação profissional iria terminar no altar. (risos)

Terra – Quando perceberam que estavam se gostando além do profissional?
Vanessa – Foi quase que instantâneo, nos curtimos desde o princípio, pois tínhamos os mesmos gostos e nos entendíamos muito bem. Porém, só descobrimos que o sentimento ia além da amizade depois de uns bons meses.

Terra – Como foi verem a música Quatro Semanas de Amor entre as mais tocadas no Brasil, em 1990?
Luan – A realização para qualquer artista é ver o seu trabalho reconhecido no seu País. Nos surpreendia muito ir em qualquer parte do Brasil, nos lugares mais remotos, e ver que a música era cantada por gente de todas as idades. Um presente!

Terra – Sentem saudade daquela época?
Luan –
Claro que sim. Vivemos um monte de experiências no âmbito profissional e pessoal. Dois jovens de 16 e 18 anos tendo a oportunidade de viajar e conhecer cada canto do Brasil fazendo o que a gente mais gostava que era música. Inesquecível!

Terra – Por que foram morar nos Estados Unidos?
Vanessa –
A decisão de ir para os EUA veio num momento de querer reciclar, buscar outras fontes de inspiração, outro cenário. A gente começou a carreira muito cedo, só tínhamos vivido essa realidade e então veio o desejo de buscar outras coisas. Essa motivação veio de uma viagem que fizemos em 2000 para Los Angeles e foi aí que a ideia de nos mudar surgiu. Buscamos as opções, documentos, advogado etc. Achamos que isso estava meio escrito pra gente, pois não encontramos nenhuma dificuldade pra realizar essa aventura que dura até hoje.

Terra – Como é a rotina de vocês?
Vanessa –
Uma rotina de pais que estão presentes na educação dos filhos, acompanhando cada etapa da vida deles. No cotidiano a vida vai seguindo seu curso e é muito importante prestar atenção nos detalhes de cada dia. Está tudo muito rápido, achamos que é importante desacelerar de vez em quando pra poder ver a paisagem que a vida nos proporciona. A gente tenta viver de uma maneira que a rotina seja agradável e equilibrada para que os afazeres não interfiram na qualidade de vida que a gente busca.

Terra – Sempre foram ligados à religião?
Vanessa –
Nascemos em um ambiente católico e sempre estivemos por perto. Com o passar dos anos, a relação foi amadurecendo e o entendimento também. As religiões apontam para um caminho a seguir. Quando a religião te ajuda a compreender o outro, a unir e a construir, ela é boa, caso contrário é pura manipulação mesquinha.

Terra – Como entraram para o grupo Cantores de Deus?
Vanessa –
Em 97, depois de um longo período de busca interior, eu liguei para cumprimentar meu querido Padre Zezinho, um sacerdote que fez parte da minha vida desde pequena e muito conhecido por suas canções. Foi uma chamada telefônica apenas para uma conversa informal, quando ele nos convidou a participar do CD que estava gravando. Foi aí que tudo começou, um momento lindo que veio de encontro à nossa busca espiritual. Com o grupo gravamos 3 discos num período de 6 anos.

Terra – Como é o trabalho da Gospa Records? Tem artistas nacionais e internacionais?
Vanessa –
Até o ano retrasado, fomos gravadora. Nessa época gravamos de grupo infantil a música regional mexicana. Hoje a gravadora se transformou em uma produtora de música e vídeo. Temos um estúdio de gravação onde já passaram alguns artistas de renome.

Terra – A música gospel é um mercado em crescimento?
Luan –
Acredito que exista uma grande demanda por música que transmita uma mensagem de esperança. Somos seres espirituais e portanto existe uma necessidade de buscar, preencher o nosso interior com mensagens positivas e de transformação. Todo o tipo de música que ajude o ser humano a se levantar, a buscar uma vida melhor, mais feliz e que nos faça buscar dentro de nós o nosso melhor é música espiritual.

Terra – Planejam voltar a cantar juntos, fazer turnê…?
Vanessa –
Sim. Existe uma inquietude da nossa parte de realizar algo. Seria muito bom reencontrar as pessoas que gostam do que a gente fez e oferecer-lhes um material novo e poder renovar essa relação que já dura mais de 20 anos.

Terra – Ainda são reconhecidos quando estão no Brasil?
Vanessa – Sim, apesar do tempo, ainda tem muita gente que nos reconhece sim!

Terra – Pensam em voltar a morar aqui?
Vanessa –
A mudança para os EUA aconteceu naturalmente e já são quase 11 anos fora. Pelo menos uma vez por ano a gente vai ao Brasil e é sempre muito bom poder encontrar parentes e amigos. Não temos planos de voltar agora, mas se por alguma razão a gente decidir voltar, teríamos muito mais prós que contras.

Crédito das fotos: Arquivo Pessoal

Um comentário em “Mais de vinte anos depois Luan e Vanessa falam do sucesso de ‘Quatro Semanas de Amor’ e a vida nos EUA

Adicione o seu

  1. A essa música e muito lindas letra, eles são um lindos casal que já era lindos,e se tornaram uma familia linda,filhos lindos e que Deus sempre permaneça essa união pra sem pré. E tenho lindas recordação dessa muzica, egosto a ter hoje.foi um lindo sonho de realização a vcs,e pra mim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: