A volta de Will & Grace – primeiras impressões

Sabe quando você fica um longo tempo sem ver um amigo ou um parente que você gosta muito e depois de anos o reencontra e percebe que nada mudou e que vocês ainda se entendem perfeitamente? Então, é exatamente este o sentimento de voltar a encontrar Will, Grace, Karen e Jack.

WillGrace-ShowImage-1920x1080-KO

Faz quase dez anos que Will & Grace estreou na TV americana e se tornou um marco. Era a primeira vez que uma sitcom trazia uma presença gay tão forte na TV, com assuntos considerados tabus e um humor rápido e inteligente. Desde então, foram oito temporadas de uma história que amamos desde o início e que nos identificava. Em 2005 nos tornamos órfãos.

Mas no começo do ano uma campanha eleitoral uniu os quatro amigos novamente e o que parecia apenas um sonho se tornou realidade: Will e Grace estavam de volta, trazendo a tiracolo Jack e Karen, claro. E não apenas com mais uma temporada, mas com mais duas garantidas!

Pra quem não se lembra, a série terminou com Will e Grace casados (não entre si…) e com os filhos namorando. Pois a nova temporada, que estreou dia 28 de setembro nos EUA, esquece este pequeno detalhe. Ou melhor, acha uma saída esperta para colocá-lo de lado e por os quatro amigos de volta ao ponto que os conhecemos: solteiros e morando juntos. Karen continua rica e Jack… continua Jack.

Às voltas com as novas tecnologias como Grindr, Facebook e smartphones (inexistentes quando a série acabou) e com algumas plásticas aqui e ali, os roteiristas provam que souberam envelhecer bem seus personagens: todos são do jeitinho que a gente ama. Mas desta vez a verve política pesa um pouco mais, dado o momento que os Estados Unidos vivem e, principalmente, o motivo inicial da reunião. Não faltam piadas com o presidente Trump e, do seu jeito meio torto, Will e Grace se mostram um pouco mais politizados.

Ao evoluírem junto com seu público, ainda que mantendo a essência de seus personagens, Will e Grace mostram que souberam acompanhar o tempo perdido e em momento algum parecem requentados. Parecem sim, que nunca pararam, que sempre estiveram ali, como se a gente só tivesse pausado o DVD no último episódio.

É simplesmente delicioso poder matar esta saudade, poder rir e se identificar novamente um pouquinho com cada um dos quatro, e perceber que sim, Will & Grace podem continuar a fazer história. Quem sabe a nova geração que não teve a oportunidade (ou a vontade) de conhecer a série possa passar a assistir e aprender que antes de Glee, American Horror Story, Looking, How to Get Away With Murder, Modern Family ou Transparent foram Will, Grace, Jack e Karen que estenderam a bandeira do arco-íris e abriram as portas para que a TV americana pudesse conhecer personagens gays reais e identificáveis.

Tá querendo a legenda do primeiro episódio? Então clica AQUI e baixa 😉

gracewill & grace 2will & gracewill

Anúncios

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s