40 dias depois fica a pergunta: vale a pena assinar o Disney+?

Pouco mais de um mês de Disney+ no Brasil e passada a euforia inicial, fica a pergunta: vale a pena assinar o serviço de streaming da Disney ?

Nós mesmo já falamos MUITO do serviço por aqui, defendemos e elogiamos. Mas nem tudo são flores.

Os problemas

Logo no lançamento, diversos problemas foram encontrados pelos usuários brasileiros.

Séries incompletas, com temporadas faltando e com temporadas inteiras não entregues na plataforma. Os casos mais notáveis foram de séries como Os Simpsons (disponibilizada apenas com as duas últimas temporadas), Agents of SHIELD, As Visões da Raven, X-Men e uma boa leva de séries que os usuários não encontraram por lá.

Outras, como Bis!, High School Musical: The Musical: A Série e outras geraram reclamação por disponibilizarem apenas um episódio por semana ao invés da temporada toda como nos EUA. Estratégia para manter assinantes né?

Catálogo

Na leva dos filmes, a maior reclamação veio por conta de Planeta do Tesouro, único dos clássicos animados faltante no catálogo. Outras ausências causadas por conflitos de contrato que deixaram os fãs de verdes de raiva foram os longas do Homem-Aranha e do Hulk anteriores ao MCU.

Alguns conteúdos chegarão no streaming “adulto” que a Disney já anunciou para o Brasil em junho, mas mesmo assim os fãs não ficaram muito satisfeitos.

Legendas

Talvez ainda maior que o problema dos títulos faltando foi o da legenda. Logo na estreia, a versão filmada de Hamilton chegou sem legenda em português ou inglês. De acordo com a Disney foi uma “decisão criativa”. Ou desrespeito mesmo.

Esta semana, outro caso: Soul estreou apenas com a legenda de closed caption (ou legenda para surdos) e cheia de erros de português e tradução, demonstrando mais uma vez o descaso da Disney com o público brasileiro. A ideia é: veja dublado ou com uma legenda porca.

Leia nossa resenha de Soul

Originais

O que parece ser o grande carro chefe do serviço, além do catálogo de clássicos, parece ser no momento a única vantagem em se assinar o Disney+. Especialmente pra quem tem os clássicos do estúdio em casa (como eu).

Novas séries de Star Wars, Marvel, filmes e outros parecem ser o chamariz para atrair assinantes. Mas se os lançamentos continuarem desrespeitando o público da forma como aconteceu com Soul e Hamilton, vale mais esperar pelos legenders brasileiros que disponibilizam legendas gratuitamente e bem melhores que a oficial de Soul.

Desrespeito com produtores de conteúdo brasileiros

Há um ano estamos falando do lançamento do Disney+ no Brasil. Somos um site com mais de 12 anos, mais de 5,5 milhões de acessos, mais de 11 mil seguidores no Instagram. No entanto, não merecemos sequer uma curtida, um RT, um coraçãozinho ou a resposta de um email.

Ao mesmo tempo, a Disney paga influencers que nem da área são para divulgar o serviço. Diversos produtores de conteúdo da Disney no Brasil têm reclamado do mesmo descaso.

Conclusão

Se você não se incomoda com legendas e títulos faltando e quer poder ver os clássicos da Disney a qualquer momento sem tê-los em casa, o serviço vale a pena sim.

Agora, se você quer legendas de qualidade, opções e respeito ao consumidor, talvez não valha a pena.

Um comentário em “40 dias depois fica a pergunta: vale a pena assinar o Disney+?

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: