Os pontos positivos e negativos do streaming

*O Pausa Dramática é um site independente, produzido por um jornalista que ama o que faz e não possui nenhum ganho financeiro com ele. Nos ajude a permanecer no ar: divulgue e compartilhe esta postagem e nos siga no FacebookInstagram e Twitter.

Ninguém pode negar a facilidade do streaming, especialmente neste tempo de pandemia onde a tela virou BFF.

Mas você já parou pra pensar que o serviço pode ter seus pontos negativos também?

Resolvi listar aqui, por conta de algumas coisas que me decepcionam bastante nos streamings, os principais pontos positivos e negativos.

O acesso

POSITIVO

O fato de você poder, com uma taxa mensal, ter acesso a uma grande quantidade de títulos e até mesmo produções originais é um facilitador enorme no nosso dia a dia.

NEGATIVO

Da mesma forma que o acesso facilitou nossa vida, ele também dificultou. Hoje temos uma infinidade de serviços de streaming com títulos exclusivos. Então pra ter acesso a muita coisa, você precisa assinar vários serviços, o que acaba gerando uma conta bem alta no fim do mês.

O acervo

POSITIVO

Se hoje quisermos ter acesso a um bom acervo temos que assinar vários serviços, mas especialmente com as produções originais de cada um, teremos uma boa biblioteca de títulos à nossa disposição.

NEGATIVO

Desde que não desejemos ver nada muito fora do comum. Já publiquei AQUI uma lista de títulos que, na época, não estavam disponíveis em streaming nenhum. Filmes premiados como Volver, Rebecca, Chaplin ou Blow Up. Quando íamos na locadora, se tínhamos uma com bom catálogo por perto, podíamos alugar filmes novos e antigos com facilidade. Hoje nem sempre conseguimos ver um filme que desejamos se não temos em casa.

As amarras

Com os streamings estamos amarrados não apenas ao catálogo de cada um mas também à forma como cada serviço disponibiliza este catálogo.

Dublagens e legendas se tornam sempre um problema. Vou dar três exemplos recentes:

Netflix: Esses dias minha sogra estava em casa e quis apresentar La Casa de Las Flores pra ela. Um seriado original da Netflix México que eu adorei e indico para todo mundo. Ela é idosa, não assiste filme ou seriado legendado. Não pode assistir porque não havia dublagem em português disponível.

Disney+: Não é segredo pra ninguém que acompanha o site que me decepcionei tanto com a legenda de Soul (em closed caption e cheia de erros de português) que decidi cancelar a assinatura. O fato do filme não ter uma legenda decente (destas que a gente baixa de graça feitas por gente empenhada na internet) pra mim demonstrou um imenso desrespeito com os assinantes.

Amazon: O filme A Assistente, que pode ter indicações ao Oscar de 2021 estreou no serviço sem legenda em português.

O desrespeito com os assinantes

No caso do Soul, tentei contato com a Disney BR de todas as formas. Não obtive resposta em nenhuma. Isso que nem estou falando do caso de Hamilton, que nem legenda em inglês tem por aqui.

Mas pra mim o desrespeito vai além. A Netflix é craque em não disponibilizar nem trailers em seu canal do Youtyube brasileiro quando acha que uma produção não vai “bombar”. Porque pra eles o que importa é viralizar. A própria La Casa de Las Flores não tem trailer no canal brasileiro, nem legendado nem dublado. Mas vá ver a quantidade de vídeo sem função por lá. Tem às pencas.

Isso acaba causando um efeito tipo bola de neve: o que é conhecido fica cada vez mais conhecido e o que poucos conhecem fica cada vez mais jogado de lado, já que o próprio serviço não se dá ao trabalho de divulgar.

E como se fosse um bom exemplo a se seguir, Disney e Amazon passaram a agir como a Netflix nas redes. No Twitter, por exemplo, você só consegue uma resposta se seu comentário for engraçadinho ou meme. E olhe lá. Reclamações e solicitações são ignoradas pelos social medias de 12 anos dos serviços.

Conclusão

No frigir dos ovos, os streamings facilitaram muito a nossa vida. Com alguns cliques você pode assistir a um filme ou seriado.

DESDE QUE: ele esteja disponível no serviço que você assina (ou em qualquer outro) e do jeito que você deseja. Nesta hora dá saudade das locadoras.

Como eu já disse AQUI: A modernização nem sempre simplifica. É mais fácil conseguir ver um filme sem sair do sofá com meia dúzia de cliques? Claro que sim. Mas se você quiser ver algo diferente do que está disponível a tarefa fica mais complicada e, neste caso, era bem mais fácil dar um pulinho na locadora e  pegar aquele pacote de 7 filmes – 7 dias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: