13 razões para você amar ‘Capitã Marvel’

As razões para amar “Capitã Marvel”, primeiro filme solo de uma heroína do universo cinematográfico da Marvel, que faturou incríveis US$ 455 milhões após ameaça de boicote por americanos que não gostaram das declarações feministas de Brie Larson, intérprete da personagem, são, na verdade, as razões pelas quais você, dependendo de quem você é nessa vida, vai odiar o filme.

São elas:

1. A você, “Capitã Marvel” parece ser mediano como, por exemplo, o primeiro filme do Capitão América. Mas, segundo algumas mulheres, “Capitã Marvel” é ótimo. Elas te explicam o que você não percebeu no filme, mas você odeia que mulheres lhe expliquem algo.

2. Uma das coisas que mulheres tentam lhe explicar é que Brie Larson está no mesmo nível de atuação da de Chris Evans, no primeiro filme do Capitão América, mas você, na época, perdoou, não ficou, como agora, de mimimi, teclando furioso à respeito da performance da atriz. E você odeia que mulheres lhe digam que você está de mimimi.

3. As edições das cenas de ação do filme de estreia de Capitão América não eram nada empolgantes, mas você, na época, perdoou. Já as de “Capitã Marvel” lhe deixam #xatiado.

4. Carol Danvers, a Capitã Marvel, não precisa de um par romântico masculino. E você não simpatiza com mulheres que não precisam de homens para construir sua história.

5. Carol Danvers, a Capitã Marvel, lembra muito as meninas que, no colégio, lhe deram um fora toda vez que você as tratou como um objeto. E isso te deixou hashtag traumatizado.

6. Carol Danvers, a Capitã Marvel, não é uma heroína atormentada, daquelas em conflito com os próprios superpoderes. E, para você, todas as mulheres são atormentadas e conflituosas.

7. Carol Danvers adora usar os seus superpoderes. Você não sabe, mas não há nada que você mais tema do que a possibilidade de todas mulheres um dia passarem a amar os seus superpoderes.

8. Carol Danvers lembra aquela sua colega de trabalho que, como outras mulheres nos últimos anos, têm sido mais competente que você no emprego, colocando-o sempre numa posição desconfortável.

9. O protagonismo de Carol Danvers lembra aquela época em que você xingou em vão no Twitter por conta da personagem feminina lançada pela Dice em “Battlefield V”. Hashtag traumatizado.

10. Ou o trauma de quando você soube que, em “Red Dead Redemption 2”, agora podia-se zoar personagens racistas.

11. Você, por causa do boicote organizado por homens brancos americanos ao filme, precisou parar de acompanhar no YouTube videos que falam sobre “a guerra dos consoles”, produzidos e protagonizados por homens de 30 anos que moram com os pais, para tuitar algo contra “Capitã Marvel”.

12. Se a Capitã Marvel enfrentasse em uma briga o seu herói Kratos, de “God of War”, ele levaria a maior surra de todos os tempos.

13. Você, independente de idade que tiver, e de que sexo for, é na verdade um menino mimado de 10 anos de idade.

VIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s