Pausa Dramática participa de bate-papo sobre o Código Hays e a censura em Hollywood

Nem todos sabem, mas entre os anos de 1930 e 1968 o cinema americano foi controlado por um código cheio de permissões e proibições.

Qualquer filme feito nos EUA neste período precisava ser aprovado pelo Código Hays, que ditava as regras da “moral e dos bons costumes” nas telas, proibindo (por exemplo) cenas de nudez, que destacassem a violência, romance iterracial ou que desabonassem a religião. Caso não fosse aprovado, o filme não seria exibido em grande circuito e ficaria restrito à pequenas salas que desafiavam a autoridade.

Filmes como Casablanca ou Festim Diabólico foram diretamente afetados. Cenas de casais deitados juntos ou beijos “exagerados” eram cortados. Casablanca precisou de cortes e teve seu final original alterado para respeitar o código. Cineastas como Howard Hughes e Cecil B.DeMile precisaram alterar seus filmes ou engavetá-los até que pudessem ser lançados. O filme O Sinal da Cruz (1932), de deMile só teve algumas cenas restauradas quando foi relançado em 1993.

É interessante ainda notar como o código tenha sido responsável por cenas que hoje consideramos clássicas e que, na verdade, foram estratégias dos diretores para burlá-lo. Como o assassinato no chuveiro em Psicose: uma forma que Hitchcock encontrou para mostrar um assassinato “sem mostrá-lo”, já que o código não permitia mortes violentas na tela. O diretor usaria um estratagema parecido em Pacto Sinistro.

Pode parecer muito distante de nós, mas este código que vigorou por quase 40 anos ainda tem seus reflexos nos dias de hoje. O preconceito e o machismo estabelecidos ali refletem nas atitudes de Harvey Weinstein ou da organização do Globo de Ouro (como falei AQUI).

Neste sábado, à partir das 19h, eu participo de uma conversa no instagram do Festival CineUrge pra falar de tudo isso.

Por que este código foi criado e como ele afetou o cinema? O que aconteceu quando ele acabou? Por que falar disso neste momento é importante?

Acompanhe a conversa ao vivo no sábado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: