Nova animação do Studio Ghibli estreia na Netflix

A Netflix anunciou nesta quarta-feira (13) que Aya e a Bruxa, o longa de animação de Goro Miyazaki, será adicionado em seu catálogo no próximo mês. O filme é baseado no livro Tesourinha e a Bruxa, Diana Wynne Jones, e se trata do primeiro do Studio Ghibli produzido inteiramente em 3DCG.

SINOPSE:
Aya é uma menina de personalidade forte que cresceu em um orfanato, até que um casal estranho resolve adotá-la e ela se vê morando com uma Bruxa.

A adaptação para animação de Goro Miyazaki do romance Tesourinha e a Bruxa, de Diana Wynne Jones (O Castelo Animado), estreou na televisão japonesa através da NHK General em 30 de dezembro do ano passado. Seu pai e co-fundador do estúdio, Hayao Miyazaki, é responsável pelo planejamento e desenvolvimento do filme. O cofundador do Studio Ghibli, Toshio Suzuki, produziu o filme. A Wild Bunch está atuando na distribuição internacional do longa.

Aya e a Bruxa estava programado para chegar aos cinemas do Japão em 29 de abril, mas a estreia do filme foi adiada devido à nova onda de coronavírus (COVID-19) para 27 de agosto.

LEIA MAIS

10 curiosidades sobre ‘Luca’ + o que achamos do filme

A filmografia quase completa do Studio Ghibli pode ser conferida através do serviço de streaming, com exceção apenas de Túmulo dos Vagalumes (animação de 1988 de Isao Takahata) que ficou de fora devido a questões envolvendo direitos autorais do livro no qual o filme foi baseado.

Aya e a Bruxa chegará ao catálogo da Netflix em 18 de novembro de 2021.

Confira o trailer abaixo:

VIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: