Paraná tem grupo de apoio a mães e pais de LGBT

*O Pausa Dramática é um site independente sem vínculos ou patrocínios. Nos ajude a permanecer no ar: compartilhe este post em suas redes e siga nossos perfis no InstagramFacebook e Twitter.

FAÇA PARTE DO GRUPO DO WHATS DO PAUSA DRAMÁTICA E RECEBA DICAS E CONTEÚDO DIRETO NO SEU CELULAR

Quando a gente fala em se assumir LGBT, muitas vezes pensamos nas batalhas que temos que enfrentar e nos esquecemos que nossos pais frequentemente também precisam lutar as suas com relação à nossa sexualidade.

Um pai, especialmente das gerações mais velhas, não está preparado para um filho homossexual e pode sequer saber como agir ou o que fazer para abraçar e aceitar aquele filho que na sua concepção é diferente.

Então o que fazer?

Foi pensando nestes pais que, em 2015, Silvia Kreuz criou o Mami , o grupo de apoio Mães de Amor Incondicional.

Mami é um grupo, criado em Curitiba, que busca ajudar mães e pais de pessoas lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, queers, intersexuais e assexuais (LGBTQIA+).

Segundo a fundadora do grupo, Silvia Kreuz, o objetivo é acolher esses pais, de diferentes religiões, que carregam alguns receios e dúvidas por descobrirem que os filhos têm a orientação sexual ou a identidade de gênero diferente do que esperavam.

LEIA MAIS

Romance infantojuvenil ‘Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo’ vai virar filme

Globoplay estreia série documental sobre representação LGBT nas novelas

#listadefilmes – 15 filmes e séries para você ver se gostou de ‘Everybody’s Talking About Jamie’

Plataforma GayPS chega para conectar serviços, empresas e profissionais LGBT+ em todo o Brasil

A dor e o estranhismo por parte dos pais vem muitas vezes da quebra de expectativas (como a de ver a filha vestida de noiva ou de serem avós) ou pela preocupação com relação às dificuldades e preconceito que os filhos irão enfrentar. Silvia percebeu, ao criar o grupo, que assim como ela muitas mães e pais sentiam a necessidade de falar e entender a sexualidade dos filhos LGBT e buscavam um ambiente onde pudessem falar sobre o assunto. Expondo suas próprias realidades e compartilhando experiências estes pais e mães perceberam a necessidade do apoio e do acolhimento não só dos filhos, mas também destes pais.

Conheça mais sobre o Mami AQUI.

VIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: