Por que você precisa assistir ‘Yellowjackets’? E mais: 7 produções semelhantes para você assistir depois

Série disponível no Brasil pelo Paramount+ traz suspense, humor e gore na medida certa com elenco de primeira

A premissa de Yellowjackets parece relativamente simples (e até mesmo já vista várias vezes): um avião cai na floresta com um grupo de jovens que terão que lutar pela sobrevivência. Até aí nada de mais. O trunfo (um dos) da série disponível no Brasil pelo Paramount+ é contar o depois do acidente.

25 anos se passaram desde que o vôo com as atletas do time de futebol da escola caiu na floresta nos anos 90. Algumas sobreviveram e acompanhamos suas vidas nos dias atuais, com os reflexos do que aconteceu nos 19 meses que estavam perdidas. Será que mais alguém sobreviveu? Como as que não sobreviveram morreram? Como elas sobreviveram? Como a tragédia as afetou?

Majoritariamente, acompanhamos as vidas de Shauna, Taissa, Natalie e Misty, quatro das sobreviventes que atualmente são adultas problemáticas em maior ou menor grau. Shauna (Melanie Lynskey, de Castle Rock e Não Olhe Para Cima) é casada, mãe e tenta esconder seu passado enquanto se frustra com as traições do marido; Taissa (Tawny Cypress, de Billions e The Black List), se tornou uma importante política representante dos negros e das mulheres lésbicas; Natalie (Juliette Lewis, de Secrets and Lies e Assassinos Por Natureza) é problemática, entra e sai de clínicas de reabilitação e parece nunca ter superado o trauma; e Misty (Christina Ricci, de A Família Adams e As Crônicas de Lizzie Borden) seguiu os passos de sua juventude se tornando enfermeira.

Mas nenhuma delas é só o que parece e todas têm seus segredos. Entre hábitos estranhos, traições e até mesmo assassinatos, as quatro vão precisar se unir quando o passado começa a vir a tona e alguém ameaça expor seus segredos sobre o que aconteceu na floresta durante aqueles meses.

O suspense e o humor acabam por tomar conta da produção, especialmente nas personagens de Misty e Natalie, em desempenhos brilhantes de Ricci e Lewis, como sempre. E acabamos fisgados tanto pelo mistério da permanência na floresta quanto pelo absurdo do que está acontecendo nos dias atuais. Que outros segredos aquelas mulheres escondem e o que de fato aconteceu? Ficamos nos perguntando o tempo todo.

Yellowjackets fisga o espectador desde o começo e é impossível parar de ver. Com a segunda temporada já confirmada, a série foi indicada ao Critics Choice Awards deste ano nas categorias de melhor série de drama e melhor atriz (Melanie Lynskey) e no prêmio dos roteiristas WGA nas categorias de melhor série de drama e melhor nova série. A produção está disponível no Paramount+.

LEIA MAIS

Confira os lançamentos dos streamings em fevereiro

Estudo afirma que vinho protege contra COVID. Já a cerveja tem efeito contrário

Resenha do site: Free Guy

Netflix vai produzir sequência de ‘Fuga das Galinhas’ e novo ‘Wallace & Gromit’

*O Pausa Dramática é um site independente sem vínculos ou patrocínios. Nos ajude a permanecer no ar: compartilhe este post em suas redes e siga nossos perfis no InstagramFacebook e Twitter.

FAÇA PARTE DO GRUPO DO WHATS DO PAUSA DRAMÁTICA E RECEBA DICAS E CONTEÚDO DIRETO NO SEU CELULAR

Sete produções para você ver depois de maratonar Yellowjackets

The Wilds: Vidas Selvagens

Produção original da Amazon, a série também é sobre um acidente de avião com um grupo de adolescentes. A partir daí as duas séries diferem bastante mas The Wilds também tem twists, mistérios e ganchos para esperar por uma eventual segunda temporada.

the-wilds-sophia-ali-2

The Undoing

Assassinato e muito sangue são o ponto de partida de The Undoing, suspense do HBO Max com Hugh Grant e Nicole Kidman no elenco.

the-undoing-nicole-kidman-hugh-grant-01

Cruel Summer

Outra produção da Amazon que se desenvolve ao redor do mistério adolescente. Durante 3 verões dos anos 90 (outra semelhança com Yellowjackets: a época) acompanhamos as histórias de Jeanette e Kate. Quando a última desaparece no verão de 1993 a primeira é acusada do sequestro. Como o desaparecimento e a acusação irão afetar a vida de ambas pelos próximos três anos? Será que Jeanette foi realmente a responsável pelo crime?

A Vizinha da Mulher na Janela

A nova produção da Netflix que satiriza filmes e livros como A Garota no Trem e A Mulher na Janela tem humor e mistério na medida certa para agradar os fãs de Yellowjackets. Na produção, Kristen Bell é Anna, uma mulher atormentada por uma tragédia do passado que passa os dias em casa à base de comprimidos e álcool. Quando ela testemunha um assassinato pela janela da sala decide tomar providências. Mas será que o que ela viu é real?

LEIA MAIS

Por que ‘A Vizinha da Mulher na Janela’ é melhor que as produções que satiriza? – SEM SPOILERS

The Flight Attendant

Kaley Cuoco (de The Big Bang Theory) é uma comissária de vôo que gosta de curtir a vida. Frequentemente bebe demais e, numa noite de bebedeira, acaba se envolvendo com um estranho que, na manhã seguinte, está morto na cama ao seu lado. O que aconteceu? Quem o matou? Ela não se lembra.

The Flight Attendant está disponível no HBO Max.

the-flight-attendant-michiel-huisman-kaley-cuoco

Lost

Queda de avião, sobreviver na floresta, , linha do tempo irregular, mistério… não tem como falar destes temas sem lembrar de Lost. A série fenômeno que fez história na TV tem muitos dos elementos de Yellowjackets com alguns a mais que podem agradar ou desagradar. Mas, seja por sua importância ou pelos mistérios, Lost é uma série que sempre valerá a pena ser vista e revista.

Lost está disponível no Star+.

Lost: roteiristas não se arrependem do final polêmico da série

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: