Personagem latina estereotipada é cortada de nova série da Netflix

Ao ler o roteiro do episódio piloto, atriz se disse surpresa pela personagem depreciativa nos dias de hoje

Embora a Netflix venha normalizando os personagens gays, negros, não-americanos e outras minorias em suas produções (como em Rua do Medo, por exemplo, terror teen protagonizado por um casal lésbico), parece que nem todas as lições foram aprendidas ainda e temos um longo caminho pela frente quando o assunto é representação não-estereotipada na tela.

A série Uncoupled, que está em fase de produção na plataforma, acabou por cortar uma personagem depois de uma atriz que leu o roteiro do episódio piloto considerá-la “dolorosa e depreciativa”.

Uncoupled é estrelada por Neil Patrick Harris, que interpreta Michael, um homem gay na casa dos 40 anos que se vê de repente abandonado pelo parceiro com quem viveu por 17 anos e se vê obrigado a entender como as coisas de encontros e namoros funcionam nos dias de hoje. Ada Maris seria Carmen, a empregada latina de Michael.

LEIA MAIS

*O Pausa Dramática é um site independente sem vínculos ou patrocínios. Nos ajude a permanecer no ar: compartilhe este post em suas redes e siga nossos perfis no InstagramFacebook e Twitter.

Netflix traz a comédia romântica de Natal LGBT que todos esperávamos

LGBTfobia NÃO É OPINIÃO

Xuxa apresentará reality de drags na Amazon Prime ao lado de Ikaro Kadoshi

Estrelas de Pose ganham o mundo da música e do cinema em novos trabalhos

#listadefilmes – 15 filmes e séries para você ver se gostou de ‘Everybody’s Talking About Jamie’

Como os novos musicais estão ajudando a revitalizar o gênero focando na diversidade

5 filmes para você assistir se gostou de ‘Rua do Medo’ da Netflix + saiba o que achamos da produção

A atriz, que já participou de séries como Nurses e Jornada nas Estrelas: Enterprise, disse à Variety que embora estivesse animada com o projeto na Netflix, ficou chocada com o retrato de sua personagem no material do teste.

“Não era nem engraçado. Era doloroso e depreciativo. Eu fiquei ainda mais chocada porque esperava algo diferente, da forma como as coisas estão hoje em dia e todo o progresso que já fizemos”.

Uncoupled está sendo escrita e produzida por Darren Star, criador e roteirista de séries como Melrose, Barrados no Baile, Sex And The City, Younger e Emily em Paris. A personagem de Carmen aparecia em duas cenas no episódio piloto.

Ela ainda se disse mais surpresa por ver um projeto comandado por dois homens gays caracterizar um membro de outra comunidade marginalizada de uma forma tão estereotipada: “Vocês são dois homens gays modernos. Gostariam de assistir ou interpretar uma versão ultrapassada, ofensiva e estereotipada de um homem gay?” (embora Neil Patrick Harris não tenha participação no processo de escrita ou casting da série).

FAÇA PARTE DO GRUPO DO WHATS DO PAUSA DRAMÁTICA E RECEBA DICAS E CONTEÚDO DIRETO NO SEU CELULAR

Depois da entrevista de Ada Maris, foi divulgado que a personagem seria modificada e não seria mais “histérica com um inglês ruim” como na descrição inicial. Logo em seguida, um comunicado da própria Netflix divulgou que “sentia muito pela experiência de Ada Maris e que a personagem não estaria mais na série”.

Quando perguntada por que ela decidiu se pronunciar, a atriz disse na entrevista: “Eu só quero que os roteiristas pensem melhor da próxima vez que escreverem um personagem como esse. Estou falando em nome dos jovens atores que estão surgindo, para que eles tenham cada vez menos que enfrentar o que minha geração precisou. Essas imagens da TV e do cinema acabam por formar a ideia de quem somos. É por isso que estes retratos precisam ser mais realistas e não dolorosos e depreciativos. Nós precisamos nos ver como realmente somos.”

Após a notícia de que a personagem tinha sido cortada da série, Maris disse em um comunicado: “Enquanto é gratificante saber que a personagem como era foi cortada, não seria ainda melhor se ela fosse substituída por uma nova personagem latina maravilhosa?”.

Uncoupled terá oito episódios em sua primeira temporada, que deve estrear no ano que vem na Netflix. O elenco ainda tem Marcia Gay Harden, Tisha Campbell, Tuc Watkins, Emerson Brooks e Brooks Ashmanskas.

uncoupled netflix cast grid

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: